CONHEÇA MEU BLOG PAPO DE PROFESSOR...TE ESPERO LÁ!!!!
http:papodeprofessor.blogspot.com

Também estamos no Face book : "professores mediadores conectados" e " papo de professor"

quarta-feira, 30 de março de 2011

PROJETO COMPLETO DE PROFESSOR MEDIADOR COMUNITÁRIO:BULLYING...AQUI NÃO !!!!

ESTA É A PRIMEIRA POSTAGEM DA RIE PROJETOS:QUEM SABE FAZ A HORA NÃO ESPERA ACONTECER!!!

SE VOCÊ TEM UM BOM PROJETO SOCIALIZE...VAMOS UNIR FORÇAS PARA CONSTRUIR UMA CULTURA DE PAZ NAS ESCOLAS ATUAIS...TE ESPERO...

BULLYING ... AQUI NÃO!!!
Problema: Percebemos que a principal causa de manifestações violentas na U.E tanto fisicas como verbais ocorrem  motivadas por atitudes caracterizadas como Bullying

Justificativa:
É a escola  e a sala de aula  o espaço em que se dá o  encontro de “diferenças”,portanto é o lugar ideal para o  exercicio da tolerância,mas não é isso que ocorre,pois a escola se transformou  em palco de uma realidade assustadora  que manifesta todos tipos de agressões verbais e físicas caracterizadas como  um fenômeno de violência mundial chamado “Bulliyng”.
 Apesar da popularização desta palavra de origem inglesa que significa “usar a superioridade física para intimidar alguém”,o fenômeno Buliiyng ainda precisa ser objeto de estudos e compromisso da sociedade  na superação deste nas escolas brasileiras,pois  atualmente esta sendo caracterizado como um problema de saúde pública. 
Durante a realização dos módulos anterios deste Curso e  baseadas no  conhecimento da escola ,buscamos durante o processo   desenvolver um olhar mais observador  nas relações sociais da escola tanto dos alunos quanto professores  e demais profissionais ligados a este  espaço escolar. Sendo assim,  atentamos para  os sinais de violência apresentados neste período, procurando intermediar situações ,neutralizar problemas  de agressões e assessorar as vítimas.
 Mas percebemos que nossas ações ainda estavam insuficientes,por isso resolvemos que nosso projeto deveria contemplar esta problemática ,percebemo então que para isso é necessário conhecer o “Bulliyng”: sua origem,suas manifestações,suas causas e como prevenir.
Alguns questionamentos surgiram:
Por que razão as diferenças de cor de pele,idade,preferencia sexual,religião ou até sotaque são motivos de tanto estranhamento e agressão?
Por que para muitos ,é dificil conviver com  o diferente ?
É do nosso conhecimento que não há receita pronta para resolver este problema, pois cada escola e cada período desta mesma escola tem características peculiares,mas, apesar disso acreditamos que é possivel fazer algo que venha contribuir para o enfraqueciemnto deste fenômeno em nossa U.E.,através de um projeto baseado na “Cultura da Paz” onde  todos os envolvidos  terão muitas oportunidades de descobrir que o diferente existe e é possivel conviver e aprender com estas diferenças,ou seja perceber que  existe algo mais do que  o seu reflexo no espelho.
Público alvo:
Alunos de Ensino Fundamental I
Alunos de Ensino fundamental II (EJA)
Alunos do Ensino Médio (EJA)

Objetivo geral:
O projeto Bullying  objetiva colaborar na melhor formação das crianças e dos adolescentes no exercício da tolerância as diferenças, sem perder o foco da reeducação dos demais envolvidos (pais , responsáveis e profissionais da educação envolvidos).

Objetivos específicos:

Reduzir significativamente ocorrência de violência e vandalismo na Unidade Escolar.
Neutralizar o fenômeno “bullying”na U.E. através do conhecimento e da promoção de   ações voltadas para o  respeito e valorização das diferenças, promoção da cultura da paz e dos princípios universais do respeito à igualdade e à dignidade humana.             atenção: para visualizar o projeto completo e sugestões de livros e filmes basta clicar em mais informações

Metodologia, estratégias de ação e recursos necessários:
Criar condições  favoráveis através do projeto para que os  envolvidos sejam   capazes de aprende com as diferenças,fortalecendo  o exercício da tolerância  que é capaz  de superar o  preconceitos e  os  conflitos que nascem no choques  de idéias e valores através de uma metodologia investigativa e dialética.
1ª ETAPA
·         levantamento teórico para o projeto (bibliografia)
·         Formular questionário de pesquisa entre alunos,professores e comunidade
·         Identificar espaços e momentos que ocorrem manifestação de violência na U.E.
·         Análisar nosso espaço,ocorrências e como será possivel algumas intervencões a curto,médio e longo prazo.
·         Sensiblização dos envolvidos (alunos,professores,comunidade,etc)
2ª ETAPA
·         Possibilitar o conhecimento deste fenômeno através da teoria e da bibliografia pesquisada.
·         Fazer uso dos recursos abaixo para sensibilização ,contextualização,reflexão e promoção de debates sobre o tema
·         Recolher sugestões para implementação de enfrentamento do problema,criando uma campanha de combate ao bullying com a participação de todos os envolvidos.
3ª ETAPA
·         Dentro da legislação pertinente criar mecanismos de atendimento,apoio e mediação dos conflitos na escola  no combate ao bullying.
·         Com base na pesquisa,observação e recolhimento de sugestões dos envolvidos,propor normas de convivência na escola aos orgãos colegiados e democráticos como Conselho de Escola,Grêmio Estudantil, e APM e socilitar se necessário revisão e mudanças no Palno Politico Pedagógico da Escola,baseadas na Legislação Pertinente como LDB e ECA.
4ª ETAPA
  • Apresentar o resultado dos momentos de reflexão através de cartazes,apresentações de teatro,musicas,coreografia e mídias digitais produzidas pelos envolvidos:alunos,pais ,professores e comunidade na semana de formatura do PROERD.
RECURSOS
Levantamos uma bibliografia de livros e titulos de filmes existente na escola ou possivel de acesso através de empréstimos,que atendesse as várias faixas etárias dos alunos da U.E.
Bibliografia  para consulta de professores e outros profissionais da educação:
Livro: “Violência na Escola – um Guia para Pais e Professores” Caren Ruotti, Renato Alves e Viviane de Oliveira
Bibliografia para trabalhar com alunos:
Livro :”Não era uma vez... Vários Autores  Ed. Melhoramentos
Livro: A primavera da Lagarta autor Ruth Rocha  Ed. Melhoramentos

Livro : Bullying  Vamos mudar de atitude! Jefferson Galdino  Ed.Nova américa

Outros Livros infantis: Menina Bonita do Laço de Fita,o Menino Nito,Frederico,Etc

Filmes:
Fundamental I
Lillo e stitch,
Ponte para Terabita,
Corrente do bem,
A História de Ron Clark,
Meu nome é Rádio, 
Karatê Kid
Fundamental II e médio:
Energia Pura,
Meninas malvadas,
Escritores da Liberdade
Corrente do bem
A História de Ron Clark,
Meu nome é Rádio

Videos e power point  disponíveis na YOUTUBE:
Titulos : - Bullying- trabalho escolar animação com massinha
Uma história sobre Bullying
Bullying e o mal que causa
Anti  bullying animation
Una historia sobre Bullying




Cronograma
Ação
Prazo
Responsável
1)    Sensibilização  (professores e alunos)                  
2)    Reflexão (uso dos recursos pedagógicos propostos)
3)    Campanha contra a violência( Exposição de atividades desenvolvidas durante as reflexões propostas

sensibilização 1 mês

2 a 4 meses: reflexão e  implementação da campanha anti bullying



finalização com exposição de atividades.



Mediadoras
Ana Lucia Nicoletti Moreno
Maria do Socorro Souza da Silva
Professoras do PROERD
Professoras da U.E.
Indicadores de progresso:
Avaliações do progresso do projeto quinzenalmente através de reuniões com o grupo de responsáveis envolvidos  nos HTPCS e quando necessário.
Redução nos indices de violência da escola.

Indicadores de resultado:
 Este projeto envolve mudanças de atitudes,estaremos considerando relatos de professores,inspetores de alunos,alunos e outros envolvidos.
A observação de momentos coletivos dos grupos como horário de intervalo (recreio).
Diminuição de ocorrências registradas e denunciadas.
Riscos e Dificuldades:
Dificuldades:Este projeto envolve mudanças de atitudes,revisão de conceitos e  valores,portanto é reflexivo , demorado e precisa fazer parte da rotina da escola como ações atitudinais e não apenas conceituais,pois de nada valerá falar sobre a não violência cntre alunos , se ainda existem situações que embora isoladas continuam impregnadas entre alguns  profissionais em educação que usam de “intimidação “verbais  contra seus alunos.
Riscos: Em relação aos alunos e comunidade, percebemos que algumas pessoas tem dificuldade de mudanças de atitudes e valores e passam a reagir de forma inesperada e até violenta quando são questionados sobre suas atitudes, isso causa uma “barreira”no relacionamento destas com o ambiente escolar e até pessoas envolvidas na implementação do projeto o que pode dificultar  o avanço deste na U.E.
Em relação aos professores o maior problema é envolve-los de maneira “ativa” no projeto,aceitar e permitir o projeto em sua sala de aula não é o suficiente e infelizmente existem alguns que também são muito resistêntes à mudanças de atutudes e valores,ou não acreditam que o Projeto de Professor Mediador Comunitario dará certo na rede Estadual ou permancerá após as eleições..

Avaliação de Percurso
Ações mantidas
Ações redimensionadas
Novas ações
 Observação do fenômeno Bulliyn na U.E.
Intermediação e mediação de problemas  relacionados ao fenômeno Bulliyng e a manifestação da violência na escola.
Atendimento aos alunos,pais e professores.
Esclarecimento sobre o papel do professor mediador na U.E.


Além da observação do  fenômeno Bulliyng na U.E.,mediação de conflitos e atendimento às vítimas da violência tomamos  algumas iniciativas preventivas do tipo: aumentar a supervisão na hora do recreio e intervalo;recreio dirigido para fundamental, a nas  salas de aula para falar sobre conflitos no espaço escolar como menosprezo, apelidos, ou rejeição de alunos por qualquer que seja o motivo.
Dentro do possível e dimensionado no projeto estaremos  promovendo a sensibilização e reflexão sobre o assunto através de textos,filmes e outros recursos.
Incentivos à pratica de esporte,dança e música em grupo para o fundamental II
Nossa intenção é promover a implementação do debates sobre as várias formas de violência, respeito mútuo e a afetividade tendo como foco as relações humanas e a Cultura para Paz”.




Avaliação Final:
Será realizada no término do projeto que se dará no mês de novembro e inicio de dezembro através da observação da escola como um todo,ou seja se ocorreram mudanças expressivas na redução da violência nas suas mais variadas manifestações  no ambiente escolar e se a cultura da paz passou a  fazer parte da rotina da escola com ações atitudinais e não apenas conceituais.

4 comentários:

  1. Maria parabéns pelo site e pelo seu trabalho. Ultimamente estou pesquisando muito este tema. Gostei muito do seu projeto. Sou estudante de pedagogia e desejo também desenvolver um projeto sobre bullying para conscientizar nossas crianças, adolescentes e jovens nas escolas. Já estou seguindo teu blog! Ah, no meu blog tenho postando alguns videos sobre esse tema.É muito importante que todos façam a sua parte, seja divulgando em blogs e sites, televisão... Infelizmente, a escola que é o lugar que se deveria divulgar e conscientizar mais os estudantes a respeito das consequências do bullying, em sua maioria, não faz a sua parte. Bjs

    ResponderExcluir
  2. bullying e coisa seria diga nao ao bullying

    ResponderExcluir
  3. Prezados, sou coordenadora de treinamentos da organização Parceiros Brasil - Centro de Processos Colaborativos. Nós desenvolvemos um projeto de mediação escolar em áreas conflagradas do Rio de Janeiro. No dia 1 e 2 de março promoveremos um curso sobre Mediação Escolar como técnica de prevenção da violência com a especialista americana no assunto, Gail Sadalla, que traz experiência relevantes de várias partes do mundo. Sendo assim, como temos áreas afins, estou divulgando caso tenham interesse. O curso tem valores diferenciados para professores e para o público aberto é R$800,00. Para maiores detalhes podem me enviar um e-mail: diana.currie@parceirosbrasil.org
    Att
    Diana

    ResponderExcluir
  4. parabéns professores pelo esforço.pena que tudo fique no papel.nem professores temos mais.estao abandonando a profissao

    ResponderExcluir